Este texto é parte integrante do Blog "a luz dA Luz"

 

Clique e faça uma visita, para ler sobre outros assuntos ligados ao espiritualismo e evolução.

 

 

 

Simbologia Mística e Esotérica – Parte 1

De: Eduardo Rosinelli

 

 

A partir deste texto, vou apresentar uma série de símbolos místicos e esotéricos, além de suas características e funções.

Eu tenho um apreço muito grande por esses símbolos e os utilizo sempre que posso.

Há um tempo atrás eu publiquei um texto sobre a energia das imagens, porém este será um pouco diferente, pois vou apresentar a energia dos símbolos.

 

Símbolos Místicos emanam energias, baseando-se no principio esotérico da “Energia de Forma”, ou seja, determinados formatos e desenhos capazes de irradiar energia por si só.

 

Vamos compreender que tais Símbolos não são capazes de “criar” energia, pois isso contraria a mais básica das Leis da Física. Os símbolos apenas “trabalham” as energias existentes em um ambiente.

 

Vamos partir de seguinte condição:

 

-          A Luz Divina é irradiada a todos os cantos de nosso mundo, na forma “Luz Branca”, ou seja, a Energia do Todo (todas as luzes e freqüências reunidas, formam a Luz Branca);

 

-          Um determinado Símbolo Místico filtra essa Energia Branca e emana (amplificando) apenas a energia característica de sua forma;

 

-          Sendo assim, grosso modo podemos dizer que os Símbolos Místicos funcionam como filtros, que pegam a Energia Branca do Todo e, alimentando-se desta Energia, emanam para o ambiente apenas suas Energias Características, próprias do seu “traçado”;

 

-          Apesar de qualquer ambiente estar sempre irradiado de Energia Branca, algumas pessoas gostam de “ampliar” determinadas faixas vibratórias presentes nesta Energia. Para isso, utilizam os Símbolos Místicos.

 

 

E porque devemos confiar nestes Símbolos?

 

Já dizia nosso Mestre Jesus: “Orai e Vigia”.

Mas quem consegue hoje em dia, orar e vigiar o tempo todo?

Nossas orações e nossas vigílias possuem um tempo de vibração e se não “alimentadas” por nossos pensamentos, elas perdem a força e se acabam.

Se não fosse assim, bastaria rezar um Pai Nosso uma vez só na vida, não?

 

Eu costumo usar esses símbolos em locais onde freqüento boa parte do meu tempo, o que hoje ocorre em casa e no trabalho.

Sempre tenho um adesivo na janela de casa, do carro, ou na mesa do trabalho, que lá eles irão “vibrar” à minha volta, nos momentos em que estou distraído, “não orando e não vigiando”, por assim dizer.

Calma, não quero dizer que temos que ficar o tempo todo preocupados, com isso!!!

Muito pelo contrário. Só estou dizendo que eu particularmente gosto de ter alguns símbolos próximos a mim, para sentir o meu ambiente mais iluminado e protegido.

 

Ter pequenos Símbolos místicos em casa, no carro e no trabalho, de forma discreta, não fará mal algum, apenas ajudará você a viver boa parte do tempo em um ambiente onde vibram boas energias.

A SUA vibração pessoal e a das pessoas que convivem com você em determinados ambientes, é preponderante para o nível energético do local. Os símbolos ali presentes funcionarão como “filtros auxiliares” ajudando na limpeza e bom fluxo de energias.

 

Vamos então apresentar alguns símbolos:

 

 

 

 

 “AUM”                  

 

 

 

Obviamente tenho que começar pelo maior de todos. O AUM (pronuncia-se OM).

 

O AUM é o Símbolo Universal da Energia Divina, da Energia Branca do Todo.

Algumas linhas acreditam ser a representação gráfica da própria Divindade.

O seu traçado é um Símbolo, porém a sua representação fonética é um Mantra.

 

Todos já devem ter ouvido alguém recitando o mantra “OOOOOOOOOOOOOMMM”!

Pois essa é a sonoridade associada a este símbolo.

Quando pronunciamos este mantra, estamos reforçando a vibração Divina no ambiente.

É importante antes de meditar, pronunciar o “OM”, pois isso irá limpar o ambiente e ampliar a Energia Divina no mesmo.

Este símbolo tem presença obrigatória em qualquer altar esotérico e principalmente na tradição Hindu.

 

Sugiro colocar o AUM no quarto de dormir. Trás paz e serenidade ao sono.

E também na porta da entrada principal da sua casa. Se alguém “carregado” entrar na sua casa, o AUM já deixará bem claro à energia imprópria, que aquele é um LAR abençoado, guiado, iluminado e protegido por Deus, afastando tal energia.

 

Tenha um “AUM” perto de você. Vale a pena.

 

No blog “a luz dA Luz”, você encontrará os outros textos, onde comento a respeito de outros símbolos esotéricos. Procure por “Simbologia Mística e Esotérica”.

 

 

Curta ou Envie este texto para seus amigos.

(Você precisa estar conectado ao Facebook)


 

 

 

Visite o Blog  “a luz dA Luz”

 

logo blog.jpg

 

 

a luz dA Luz

no Facebook

 

logo face.JPG

 

 

Mande um e-mail para o autor

email

 

 

 

Deixe um comentário,

Dê sua opinião.

 

blog_opiniao